Como fazer um brainstorm produtivo? - Agência Salt
FECHAR
voltar ao topo
FALE CONOSCO

blog

MARKETING

Como fazer um brainstorm produtivo?


Temos 4 dicas para você e sua equipe

Aqui na Agência Salt, construímos ideias fazendo vários brainstorms semanalmente. Até aí, nenhuma novidade. Mas temos alguns detalhes indispensáveis que fazem toda a diferença.

São quatro segredinhos que devem ser seguidos para que os brainstorms não passem de reuniões comuns. Confira:

1- Não fazemos nossas reuniões separadas por equipes.

As “tempestades de ideias” na Salt ocorrem com todos os setores unidos. Em nossos constantes brainstoms, ajudamos uns aos outros a gerar boas ideais sempre e, às vezes, a pessoa do outro setor é que vai ter uma grande sacada para um job, porque está em um dia de inspiração e quer colaborar com qualquer que seja o setor, ou seja, com toda a agência.

2- Comece bem.

Pode até parecer bobagem, mas o modo como você começa uma reunião de brainstorm geralmente dita o andamento e o resultado. Ou seja, explicar bem qual é a necessidade da reunião evita desperdício de energia. Delimitar um tempo para a conclusão da reunião pode ser um estímulo para os cérebros mais competitivos. Relembrar as últimas boas soluções, obtidas em equipe, é motivador.

3- Todo corpo precisa de uma cabeça. E de uma mão que escreve.

É muito importante que haja um mediador no brainstorm e alguém anote tudo. Afinal, as pessoas são diferentes e as ideais também. É relevante que o “líder” da reunião vá delimitando, durante a tempestade de ideias, o que é coerente ou não com a solução que se busca, para que a reunião não tome um rumo inviável. E, para que a reunião flua bem, é preciso que alguém vá anotando tudo, para que uma boa ideia não se perca, por falta de registro.

4- Ajuste o relógio e prepare um café.

Dedicar-se a um brainstorm é como correr maratona mental. Se você estiver aquecido, as chances de se sair melhor são maiores. Mas, se você já estiver cansado, nada feito. Portanto, não comece o dia com um brainstorm. Tampouco deixe para as últimas horas do dia. E um estimulante sempre ajuda (no lugar de “estimulante” leia “café”). É comprovado cientificamente que a cafeína auxilia no raciocínio e na concentração. Mas, se você quer que seus parceiros tenham boas noites de sono – o que impacta na produtividade da semana toda, faça as reuniões regadas a café antes das 15h.

 

Tiago Tavares,

Diretor de criação e sócio fundador da Agência Salt.

comentários

em que podemos te ajudar?